terça-feira, 24 de abril de 2012

A minha capa mai’ linda ^^

Hoje vou falar-vos de uma coisa que me é muito cara: do meu traje académico. Ou antes, para ser mais precisa, de uma parte do meu traje. E apesar da necessidade de que muitos têm em ser-lhes explicada a importância desta mui nobre vestimenta (ou porque nunca leram o Código da Praxe, ou porque, por qualquer das variadíssimas razões patentes, não tiveram padrinhos/madrinhas para lhes ensinar tal desígnios), eu não me vou por aqui a dissertar sobre o assunto. Vou apenas falar da minha capa mai’ linda.

A minha capa do traje não é como a da maioria das restantes academias. Aliás, nem se usa ou traça como as das outras academias. Para que tenham uma ideia de como a coisa é por estes lados, aqui fica um trecho do Código da Praxe, já que nenhum outros escrito o pode explicar melhor do que eu:

A capa poderá ser transportada, indo dobrada, apoiada sobre o ombro esquerdo, ficando a parte de cima (o bico) para as costas.
A posição normal é a de usar a Capa Posta, solta e caída, passando o cordão (fivela ou outro substituto) sob o braço direito; deverá a capa pender sobre o ombro e braço esquerdos, podendo o lado direito da capa ser apanhada, ou não, no braço direito.
Pode ainda lançar-se o lado direito da capa sobre o ombro esquerdo, ficando apenas o braço direito a descoberto. Nesta posição o estudante diz-se de Capa Traçada. Para que a capa esteja correctamente traçada não poderão ser notados quaisquer crachás, emblemas, dísticos, pins, etc., que estejam colocados na capa ou no Traje. Para tal estes devem ser colocados de forma a que o material usado para os fixar não se note do lado do direito da Capa”.

Ou seja, andamos com a capa por cima do ombro esquerdo e por baixo do ombro direito, tal como os senhores dos tempos dos descobrimentos e da Rainha Isabel I utilizavam as suas capas a esvoaçar ao vento. E como quase todas as capas (que poucos ainda privilegiam a tradição da capa negra, sem emblemas ou coisinhas), a minha está bem recheada de cor e pessoas especiais.


Na primeira foto podem ver a minha capinha, que conta já com um bom número de emblemas, e ainda as minhas antigas fitas e cordão e uns penduricalhos também (uma bonequinha vermelha, prenda da sua 'minência Luísa, e uma miniatura de algibeira do traje de Viana do Castelo, que mal se vê... =P). Quanto às fitas e cordão, estes são usados no braço direito do casaco, e indicam o nosso curso, posição hierárquica e número de matrículas. Os caloiros têm que usar um cordão e, conforme se vai progredindo, temos uma fita por cada matricula, com os centímetros correspondentes ao ano do curso. No meu caso, neste momento, tenho 4 fitas vermelhas de 4 centímetros - Direito, 4 matrículas, 4.º ano.

A segunda foto são aos emblemas que ainda tenho que pôr na capa. O de cima foi a minha mãe que me deu, os do meio foram da minha madrinha académica e do foufinho (óbvio xD) e os de baixo de um dos meus afilhados, o de Espanha (Guimarães), que mos deu hoje. Estou, pois, há espera, que os restantes cromos que me estão a dever emblemas, se apresentem na minha frente com eles, para mandar cozer todos de uma vez. Isto inclui o meu padrinho desnaturado.

Resumindo: a minha capa é a mais linda do mundo e eu adoro-a. Tem muita história, muitos risos, algumas lágrimas, mas muito de mim e dos meus.

12 comentários:

  1. E como cada um puxa a sardinha à sua brasa... A minha é mais linda ^^

    ResponderEliminar
  2. O Traje da minha Universidade é o "Mai Lindo", e não, nunca me preocupei muito com esses promenores.
    É mais ou menos isto:
    http://www.ffguitarradas.pt/traje-academico-algarve.html

    ResponderEliminar
  3. Eu como ando sempre a mudar de curso porque não gosto de nada estou tramado. Vou para Filosofia desta vez, quero ir atrás de algo que gosto e cagar para o emprego porque nos cursos "com futuro" eu não consigo estar atento. Tenho de gostar mesmo.

    ResponderEliminar
  4. EU também tenho traje, e tenho todos os emblemas num saco!
    Nunca os cheguei a colocar!
    É muito mau!
    Mas também só usei o traje umas 4 ou 5 vezes!
    Dinheiro mal empregue!
    :(

    ResponderEliminar
  5. A minha boneca tb ca esta!! ahahah. Gostei!

    ResponderEliminar
  6. Tb quero um coração de Viana, eu pago!!!

    ResponderEliminar
  7. Heartless - A tua pode ser uma das mais lindas, mas só o é porque tem lá o emblema que te dei =P

    XL - Aquele chapéu faz mesmo lembrar o Infante D. Henrique =P

    João Pedro - Hoje em dia, um curso com futuro é um achado. Mais vale ires mesmo para aquilo que gostas, do que estares num curso durante 10 anos para nada.

    Xs - Blasfémia!! Devias ter os emblemas todos lá cozidinhos ou colados!! Pelo menos, são uma boa recordação dos anos académicos. Eu cá dei bastante uso ao meu traje ^^

    D. Luísa, a.k.a., Cardeal de Curso - Sim, está ali mesmo ao lado do emblema que me deu =) E eu trago-lhe o coração de Viana como o meu, não se preocupe ^^

    ResponderEliminar
  8. Ui a minha capa nem tem metade disso, na minha universidade só podíamos pôr os emblemas e praxar no 3ºano(ou seja no último ano), e só podíamos trajar em novembro do 2ºano! E era cheio de regras e mariquices e eu trajei poucas vezes, e como o meu curso era muito prático, usar traje não era fácil...

    ResponderEliminar
  9. Ritinha - Nós também só podemos praxar no 3.º ano, mas como o meu curso tem quatro anos, praxei o ano passado. Mas toda a gente pode usar o traje, aliás, o traje é académico e não praxístico, logo qualquer membro da academia pode e deve trajar sem que esteja relacionado com a parxe. Sei que noutras universidades há regras e regrinhas sobre os emblemas, mas aqui não temos regra nenhuma para isso, daí é sempre a aviar =P

    ResponderEliminar
  10. Partilho do mesmo sentimento em relação à capa. Podem ser emblemas que possam não ter importância nenhuma para as outras pessoas, mas para nós tem muitas. especialmente porque este ano também sou finalista. sempre disse que só levaria a cartola quando estivesse para acabar e este ano mais do que nunca, faz todo o sentido ;) viva as finalistas e obrigada pelo teu miminho. espero retribuir em breve (e ainda não me esqueci do questionário).
    xoxo

    ResponderEliminar
  11. Veronica Mars - Claro que as insígnias só fazem sentido quando é para usá-las uma vez xD E parabéns também a ti, senhora finalista ^^

    ResponderEliminar
  12. landed here while searching informations about traje
    It's interresting and clear (even if i don't speak portuguese and ahd to use google translate)

    Thx

    ResponderEliminar

Sê bem vindo!! Achaste este post tão maravilhoso como a sua autora? Ou tão alucinado da mona? Sente-te à vontade para deixar o teu contributo. Responderei assim que possível. Obrigada pela visita e volta sempre =)